Giselle Sato
A inspiração é o encontro perfeito das palavras e a imaginação. Aventure-se.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Meu Diário
25/07/2018 13h36
Eu e o mar - Giselle Sato

Sinto o cheiro da maresia, as gotas frias da água em meu rosto, minha pele se arrepia com o frescor da brisa que sopra suavemente. O sol aquece minha pele, trazendo um bem estar que há muito não experimentava, a vida pulsa em todos os sentidos. Estou viva! Respiro a leveza, as ondas brincam com a embarcação, ensaio o primeiro de vários sorrisos, a sensação é tão boa que minha alma é tomada por  gratidão.

Fé e amor se encontram num grande abraço, e fico quietinha neste aconchego, sem ressentimentos, tristeza, nada além de carinho e bondade. Estou no meu barquinho e ele tem imensas velas brancas, um mastro alto que parece tocar as nuvens, a estabilidade  do lastro de tudo que aprendi ao longo do caminho e a segurança de uma âncora forte mas leve o bastante para que eu use quando bem quiser.

O mar que navego é cristalino, profundo, mil tons de azul se mesclam formando ondas, marolas, indo e vindo, subindo e descendo… brindando sensações, pensamentos, sentimentos, dores, sofrimento, enfermidade e momentos. Não é assim que vivemos? começo, fim, recomeço, pausas, melhora, piora, aumenta, diminui, sobe, desce, escurece, clareia, esquenta, esfria, adoece, cura...

Meu barco singra o  oceano e eu não sei o que pode vir pela frente, talvez tempestades, tormentas, quem sabe dias de profundo marasmo ou tranquilidade. Minha única certeza é que não estou à deriva.


Publicado por GiselleSato em 25/07/2018 às 13h36
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

A Pequena Bailarina
Assassinos S/A II
BECO DO CRIME
Meninas Malvadas
POETRIX
Trilhas da imensidão- Contos de Terro...
Site do Escritor criado por Recanto das Letras