Giselle Sato
A inspiração é o encontro perfeito das palavras e a imaginação. Aventure-se.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Meu Diário
28/08/2018 23h41
Mães narcisistas- A história de duas filhas sobreviventes- Giselle Sato

Existem mulheres que não deveriam ter filhos, que não nasceram para dividir atenção e amor  com ninguém, que não tem a menor idéia do que é instinto maternal. Se você acha impossível uma mãe não sentir  nenhum tipo de empatia pela própria cria, então provavelmente ainda não conheceu uma mãe narcisista, não que seja fácil reconhecer alguma de imediato, mas elas existem desde os tempos remotos.

Há quarenta anos ninguém admitia que uma mãe pudesse maltratar  a cria, e ninguém ousava se meter nestas situações de profundo constrangimento, onde a vítima não fazia a menor idéia da razão de tanta violência. Uma mãe narcisista manipula  o sentimento de culpa, fazendo a filha acreditar que nunca fez o suficiente; desta forma cria a falsa expectativa que um dia serão felizes juntas.

 

 

 

 

 

 

 

 


Publicado por GiselleSato em 28/08/2018 às 23h41
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

A Pequena Bailarina
Assassinos S/A II
BECO DO CRIME
Meninas Malvadas
POETRIX
Trilhas da imensidão- Contos de Terro...
Site do Escritor criado por Recanto das Letras